Seta_left Seta_right Seta_back

Instalação do Serviço de Teleassistência a utentes da Santa Casa da Misericórdia de Santar  -  2012-04-16

Consciente da situação em que vivem muitos dos seus utentes, a Santa Casa da Misericórdia de Santar, no âmbito de um protocolo celebrado, entre a Portugal Telecom e a União das Misericórdias Portuguesas (UMP), instalou gratuitamente, na casa de utentes que beneficiam do Serviço de Apoio Domiciliário e que vivem em situação de isolamento social ou incapacidade, o Serviço de Teleassistência.

A realidade social e familiar de muitos idosos, é na verdade, bem complexa mas esta parceria é um gesto nobre que permite colocar o desenvolvimento tecnológico e a inovação ao serviço das necessidades da população mais vulnerável, que é neste caso a população mais envelhecida. Num cenário de conjuntura económica e socialmente difícil como a que estamos a atravessar, esta iniciativa vai lançar novos desafios no campo do apoio a idosos, sobretudo no que se refere ao combate contra a exclusão social, ajudando utentes que por diversas circunstâncias se encontram mais desfavorecidos e incapacitados.

 Para beneficiarem do serviço de teleassistência, foi feita previamente uma seleção, em que se definiram como prioritárias as condições das pessoas mais idosas, mais isoladas e mais desprotegidas em termos de rede de cuidados. Assim, beneficiaram deste serviço, utentes residentes em Nelas, Moreira, Vilar Seco e Santar, por serem os que na sua generalidade, se encontram mais desenquadrados do seu seio familiar e em situação de dependência física e ou psicológica.

A Santa Casa realizou visitas prévias aos utentes que iriam ser beneficiários deste inovador serviço e verificou que existe um total desconhecimento acerca destes apoios, associado ao medo do desconhecido e ainda, que a falta de acesso a meios de informação, dificulta por vezes a adesão a este tipo de serviços. É preciso conversar, esclarecer e desmistificar.

A instalação do equipamento de teleassistência na habitação dos utentes decorreu nos dias 16 e 17 de Abril de 2012, e foi realizada por um técnico da PT designado para o efeito, na presença da representante principal da Instituição (Dra. Infância Pamplona) e pelas técnicas da Instituição (Técnica de Serviço Social e Psicóloga).

 

O que é o serviço de Teleassistência e como funciona…

É um serviço telefónico de apoio, suportado num telefone com visor e teclado de grandes dimensões e comunicação mãos livres. É também facultado um pendente (colar) sem fios, que é instalado no domicílio do beneficiário e que lhe permite, em caso de emergência, entrar em contacto direto com os serviços de Assistência Médica Especializada, 365 dias por ano, 24horas por dia.

Em caso de necessidade, o beneficiário pressiona o botão do pendente (com alcance até 30 metros) ou o botão (vermelho) de SOS do telefone e entra em contacto com o serviço de assistência especializado que prestará rápida e eficazmente o apoio necessário.

A chamada será atendida por um profissional credenciado, que efetuará o diagnóstico médico da situação, acionando o meio de socorro mais adequado a cada situação.

No caso de pouca gravidade – é realizada uma chamada para um familiar ou vizinho (contacto previamente fornecido pelo beneficiário) que se possa deslocar ao domicílio da pessoa, eventualmente complementada com envio de médico ou ambulância caso se justifique;

No caso de emergência médica – o médico da Europ Assistance alerta o INEM que garantirá a pronta e correta prestação de cuidados de saúde.

Vantagens do serviço

-  Assistência especializada 24 sobre 24 horas, 365 dias por ano;

- Maior autonomia e tranquilidade de pessoas dependentes;

- Promoção da independência e da confiança do idoso;

- Assegura o acompanhamento e apoio permanente de quem vive sozinho;

- Minimiza consequências resultantes de acidentes no domicílio;

- Melhora a qualidade de vida;

- Segurança e tranquilidade para os utilizadores e para os seus familiares;

- Call Center com profissionais especializados com acesso imediato à informação do utilizador que realiza a chamada de emergência.

Concluímos dizendo, que a Santa Casa fez uma monitorização deste inovador serviço de apoio em rede e nas visitas efetuadas aos utentes beneficiários, decorrido mais de um mês, após a sua instalação, foi possível testemunhar o grau de satisfação por sentirem que estão mais “seguros” e “acompanhados”. Deixamos aqui dois testemunhos recolhidos que são bem reveladores deste contentamento.

                                       

Teleassistência
Teleassistência
Teleassistência
Telefone Teleassistência